Blog

Afinal, o que é RH estratégico?

  |   Recursos Humanos, SAP SuccessFactors, Tecnologia   |   No comment
Já estamos no fim da segunda década deste século, mas ainda encontramos gestores que não perceberam a necessidade de ter um RH estratégico. Essa área, que outrora era operacional, se tornou parte pensante e atuante da organização no sentido de cumprir objetivos e estratégias. Transformá-la em estratégica requer algumas mudanças, tanto em posturas quanto ferramentas. Por isso, elaboramos este comparativo que põe o passado e o presente frente a frente. Conheça as principais diferenças entre o RH operacional e o RH estratégico!

Recrutamento e seleção

RH operacional

O recrutamento e a seleção de talentos são processos que ocorrem em conformidade com as diretrizes da empresa. A busca parte pelas necessidades técnicas e operacionais, considerando as hard skills dos candidatos.

RH estratégico

Além das necessidades técnicas e operacionais, o RH estratégico considera ainda as soft skills — habilidades comportamentais desejadas pela organização — seguindo a política e a cultura da companhia.

Onboarding

RH operacional

Não é um processo organizado, pois ocorre sob demanda. Também é conhecido por ser lento e nem sempre permitir o início imediato do recém-contratado.

RH estratégico

O onboarding ocorre de maneira bem estruturada, feito para maximizar a integração do novo colaborador à equipe e agilizar o início do seu trabalho com todo o potencial possível. A equipe de um RH estratégico está em constante contato com as demais áreas para saber a urgência em ter o recém-contratado iniciando suas atividades. Por isso, oferece ferramentas para que ele entre na companhia com o máximo de informações.

Folha de pagamento

RH operacional

A gestão da folha de pagamento ocorre de maneira manual. Todos os detalhes são conferidos mais de uma vez pela equipe, para que não ocorram falhas no processo. Isso o torna lento e não evita erros.

RH estratégico

Já o RH estratégico entende que a transformação digital deve se estender a processos como este. Por isso, utiliza a tecnologia para gerir a folha de pagamento e diminuir a quantidade de falhas e retrabalho. Desse modo, o tempo dos profissionais é valorizado, pois eles passam a se dedicar às atividades estratégicas que demandam ideias, processos criativos e outras que somente uma pessoa é capaz de fazer.

Benefícios para os colaboradores

RH operacional

Esse modelo de RH oferece os benefícios obrigatórios, que constam na Consolidação das Leis do Trabalho, ou CLT. Outros são desconsiderados, pois o custo é visto como elevado e injustificável.

RH estratégico

Benefícios são vistos pelo RH estratégico como essenciais para atrair, engajar e reter colaboradores. Essa visão se dá pelo entendimento de que os recursos humanos podem ser utilizados estrategicamente. Pessoas movem as empresas, portanto elas precisam ter seus talentos reconhecidos e valorizados. Além dos benefícios obrigatórios, o RH estratégico busca outros com o perfil dos colaboradores, incentivando-os a continuar na companhia.

Capacitação e desenvolvimento

RH operacional

O RH operacional entende que o profissional deve chegar preparado na empresa, com toda a formação necessária para desenvolver suas atividades. E espera isso ao longo do tempo, à medida que o mercado faz novas exigências.

RH estratégico

A capacitação e o desenvolvimento de pessoas são processos que devem ocorrer em plena sintonia entre elas e a companhia. Toda empresa tem suas necessidades e expectativas, logo deve alinhá-las com o potencial de cada colaborador. Sendo assim, o RH estratégico identifica oportunidades para que os profissionais aprendam e se desenvolvam dentro da companhia — tendo como objetivo ainda os planos de sucessão e surgimento de líderes.

Gestão de desempenho

RH operacional

Não há um acompanhamento próximo e constante do desempenho dos colaboradores. Quando isso ocorre, há uma razão: a necessidade de formalizar um feedback. Como não há uma preocupação com a capacitação e o desenvolvimento dos profissionais, esse feedback serve para apontar falhas e solicitar melhorias.

RH estratégico

A gestão de desempenho no RH estratégico ocorre com frequência. Avaliações são feitas com base nas competências e habilidades definidas pela organização. Um sistema de gestão é utilizado para desenvolver, aplicar e avaliar os resultados. Esse conjunto é acompanhado durante o ciclo de vida do colaborador.

Indicadores de desempenho

RH operacional

Uma vez que os processos de RH são, em sua maioria, manuais, não há indicadores de desempenho para acompanhar a evolução. As atividades do RH operacional seguem como eram feitas no passado, sem uma busca por melhorias ou oportunidades de crescimento.

RH estratégico

Como utiliza a tecnologia a seu favor, o RH estratégico implementa indicadores de desempenho e monitora-os com frequência para encontrar falhas e oportunidades de melhoria. Considera ainda as diretrizes da empresa, para que seu trabalho seja verdadeiramente estratégico.

Como ter o seu RH estratégico

O gestor de RH que deseja ter uma área estratégica, precisa das ferramentas certas para fazer uma gestão completa e otimizada. Um bom software de gestão de RH, como SAP SuccessFactors, vem com as ferramentas certas para cumprir os objetivos organizacionais e, ao mesmo tempo, alinhá-los com quem move a companhia: as pessoas. Fale com a HRST Brasil e transforme seu RH em estratégico por meio do sistema de gestão SAP SuccessFactors!
No Comments

Sorry, the comment form is closed at this time.